New

Por que a localização é importante para a prevenção de fraudes mobile

A localização é o sinal de confiança mais forte para o celular

Nos EUA, a perda de identidade por fraude cresceu de 16.9B em 2019 para 56B em 20201. Com 50% das transações acontecendo agora em dispositivos mobile2, e o celular respondendo por 75% da fraude3,a prevenção de fraudes mobile tornou-se uma prioridade.

A principal questão com a prevenção de fraudes em dispositivos mobile hoje em dia é que na maioria dos casos ele trata o dispositivo móvel como um dispositivo estático, como um PC. Isto não é surpreendente dado que a geração anterior de soluções de identidade digital foi construída para o navegador de desktop e adaptada ao celular, levando a uma experiência de uso e segurança não otimizada para usuários mobile. Mas a grande vantagem de um dispositivo mobile, do ponto de vista da prevenção a fraudes, é que ele é carregado com o usuário o tempo todo e é carregado com sensores que podem fornecer sinais importantes exclusivos para o usuário.

Para a prevenção de fraudes mobile, a localização é o sinal comportamental mais forte. A localização está sendo usada agora para proteger os consumidores contra fraudes e para melhorar sua experiência, removendo a fricção. A razão pela qual a localização é o sinal mais forte para a prevenção de fraude mobile é porque la localização gera um fingerprint dinâmico para cada usuário que indica rapidamente seu contexto e hábitos..

Analisando os dados de localização dos dispositivos da rede Incognia entendemos o seguinte:

  • 85% das aberturas de contas bancárias mobile acontecem a partir do endereço residencial do usuário
  • 93% das transações de e-Commerce contêm um endereço (para fatura e envio de produtos) que o usuário visita freqüentemente
  • 90% dos logins e 95% das transações sensíveis em aplicativos de serviços financeiros ocorrem a partir de um local confiável (casa, trabalho ou outro local altamente freqüentado)
  • 88% das transações de e-Commerce ocorrem a partir de um local confiável

    O uso dessas informações de comportamento de localização permite que as empresas reconheçam usuários confiáveis e detectem anomalias no comportamento de localização indicando transações de alto risco.

    Em colaboração com fintechs e mcommerces, a solução de identidade mobile por localização da Incognia tem sido utilizada para remover fricções e reduzir fraudes em aplicativos mobile no onboarding, login e pagamentos. Observamos os seguintes resultados de empresas que começaram a utilizar a localização como parte de sua estratégia de prevenção de fraudes mobile:

  • aumento na criação de novas contas em 25-40% (redução de CAC)
  • aumento na taxa de aceitação de transações em 10-25% (aumento do LTV)
  • redução de 85-90% nas fraudes de aquisição
  • redução na taxa de chargeback em 50-70%

Além disso, os usuários finais se beneficiaram diretamente da localização usada para proteger suas contas, através de menor fricção e de uma experiência de usuário aprimorada, inclusive:

  • menor fricção - 0,013% de falso-positivo
  • segurança - 0,004% taxa de falsos-negativos
  • privacidade - sem armazenamento de informações pessoalmente identificáveis associadas 

Serviços financeiros e aplicativos de eCommerce mobile estão utilizando a localização para reduzir fraudes e fricção, explorando o sinal de confiança mais forte em celulares.

Entre em contato conosco para saber mais sobre como usar efetivamente a localização para reconhecer usuários confiáveis no mobile.

 

1: Javelin

2: Statista

3: Frankonfraud

Mais recentes

Troca de dispositivo: desafios para fintechs, dor de cabeça para usuários

Menos de 0,5% das trocas de dispositivos resultam em roubo de conta. Mas fazer essa autenticação segue impondo fortes barreiras na experiência do usuário.

A revolução da jornada do consumidor mobile - Omnichannel na prática

O varejo mobile, que irá impulsionar o omnichannel, deve representar 72,9% de todo o comércio eletrônico em 2021. Veja como fazer parte deste movimento.

Fraude de identidade: CPF, RG e identificações civis não são mais confiáveis

Informações estáticas, como RG, CPF e comprovante de residência não são mais eficazes para prevenir fraudes de identidade. Veja as alternativas.