New

Política de Privacidade: Inloco x COVID-19

Estas Políticas de Privacidade aplicam-se apenas a residentes no Brasil. Clique aqui para ler as Políticas de Privacidade aplicáveis a residentes nos EUA.

Sobre a Incognia

A Incognia é uma solução que fornece inteligência a partir de dados de geolocalização para aplicativos, incluindo Notificações Push para usuários no momento relevante, de acordo com a sua localização, e Analytics de visitas, para métricas sobre o comportamento de localização dos usuários;  prover dados de localização aos sistemas  do app cliente, para identificar visitas em estabelecimentos físicos e atribuir contexto a estas visitas, como nome e categoria do estabelecimento, além das informações de geolocalização (latitude e longitude), para propósitos legítimos, específicos, explícitos e informados ao titular, determinadas pelos clientes (os “controladores”) (Incognia API); e Insights, produto que utiliza dados totalmente anonimizados para análise de fluxo de lojas físicas e planejamento de expansão, comparação de performance com lojas da concorrência, e decisões de investimento em empresas com alto volume de visitas a lojas físicas.

A Incognia também é capaz de criar índices de mobilidade populacional anônimos, seja para fins de planejamento urbano ou para ajudar instituições no combate à COVID-19, além de verificar a ocupação de lojas físicas comparada à capacidade usual em número de visitantes, visando a retomada das atividades comerciais com segurança no cenário de crise sanitária da COVID-19.

A tecnologia de localização da Incognia não requer armazenamento ou acesso a informações que identifiquem diretamente do usuário, garantindo-lhe um direito não negociável: o direito à privacidade.

Nesta Política, explicaremos em detalhes como a Incognia tratará dados para a finalidade de ajudar no combate à pandemia da COVID-19, doença infecciosa causada pelo coronavírus que se tornou um enorme problema global. Aqui, detalharemos cada iniciativa, demonstrando nossos esforços para respeitar sua privacidade, além de explicitar a finalidade específica de cada dado coletado, forma e duração do tratamento, bem como as responsabilidades oriundas do tratamento, indicando, inclusive, como você pode sair da nossa base de dados, através do opt-out.

 

Combate à COVID-19

Acreditamos que a utilização de uma tecnologia de geolocalização desenvolvida pensando em privacidade desde a concepção, como a da Incognia, é a solução mais segura e eficiente para combater a pandemia. Por entender ser possível conter o avanço do coronavírus sem a necessidade de uma política de vigilância e violação da privacidade por parte dos órgãos responsáveis pelo controle da doença, desenvolvemos algumas soluções, em parceria com governos, secretarias de saúde, universidades e quaisquer outros interessados que queiram se aliar a nós no combate à pandemia da COVID-19.

Até então, desenvolvemos os seguintes projetos:

  • Índice de Isolamento Social

Este índice é a principal iniciativa Incognia no combate à COVID-19, que visa mapear áreas de risco e verificar a efetividade das medidas sanitárias implementadas, a partir de dados anonimizados. O Índice é calculado como o número de usuários que não deixaram seu local de residência (inferido a partir da nossa tecnologia) em determinado dia em relação ao total de usuários daquela mesma microrregião, município ou estado. Dessa forma, quanto maior o índice, maior o grau de isolamento estimado do local. Destacamos que o Índice de Isolamento Social por estado está disponível publicamente para a sociedade em nosso site.

  • Comunicação com a população via notificações push, por meio de aplicativos do poder público

Oferecemos a integração da nossa tecnologia (“Software Development Kit” ou SDK) a aplicativos do poder público, a fim de coletar dados que possam auxiliar instituições a estabelecer uma comunicação direta com a população, para enviar notificações informativas e educativas sobre distanciamento social, isolamento social e quarentena, e sobre a suspensão das atividades de estabelecimentos.

  • Análise de visitas a hospitais, postos de saúde e serviços essenciais

Utilizando um conjunto probabilístico (HyperLogLog) para fazer contagens de visitas com precisão representativa, sem armazenar identificadores únicos de dispositivos, analisamos a capacidade de hospitais e postos de saúde, sob caráter excepcional e tendo em vista a situação atípica e emergencial que estamos vivendo, a fim de evitar superlotação e alocar pacientes e profissionais de saúde de forma distribuída e inteligente. Decidimos coletar estes dados levando em consideração que um dos maiores perigos trazidos pelo coronavírus não é apenas a gravidade da doença decorrente, mas também sua velocidade de transmissão e consequente superlotação dos sistemas de saúde. Com as técnicas aplicadas, sabemos apenas quantos dispositivos visitam esses estabelecimentos, mas não quais; estes dados são armazenados separadamente e eliminados ao fim da crise da COVID-19. Além disso, coletamos visitas a locais que oferecem serviços essenciais, como farmácias e supermercados, para evitar aglomeração e distribuir consumidores.

  • Análise de visita a estabelecimentos não essenciais

Mapeamos locais de serviços não essenciais que não estejam cumprindo as recomendações de suspensão das atividades, como shoppings, restaurantes e casas de show, por meio de uma análise de fluxo de visitas a estes estabelecimentos com atualização diária, em que é computado apenas o movimento nestes locais, de forma agregada ou não individualizada.

  • Análise de visitas a lojas físicas por segmento comercial para reabertura do comércio

Através de um painel de controle, possibilitamos a verificação do comportamento de visitas a lojas físicas divididas por segmento comercial (ex.: moda, construção, bares etc) a nível municipal. Neste painel, é possível visualizar o fluxo de visitas a estabelecimentos comerciais desde o dia 01/01/2020, isto é, antes do início da crise sanitária no Brasil. Tais métricas poderão contribuir com as decisões que envolvem a reabertura gradual do comércio com segurança. Salientamos que dados de fluxo de visitas a lojas físicas já fazem parte dos serviços oferecidos pela Incognia, e que o tratamento desses dados para nossa solução Insights está exposto aqui.

  • Análise de ocupação de lojas físicas após reabertura das atividades comerciais

Com a reabertura gradual do comércio, mapeamos diariamente quais unidades físicas de lojas tiveram ocupação maior do que 50% de sua capacidade usual em número de visitantes, e forneceremos a informação através de um painel de controle para as empresas respectivas. Assim, auxiliamos na retomada das atividades comerciais não essenciais com segurança, visando mitigar os riscos de uma nova onda de contágio.

 

Tratamento de dados pessoais

Fonte dos dados

Para fornecer seus  serviços aos aplicativos, a Incognia coleta dados de dispositivos móveis através de um Módulo de Desenvolvimento de Software (“SDK”) instalado nos aplicativos dos nossos clientes. Estes aplicativos devem informar aos seus usuários para quais finalidades utilizam a  tecnologia de localização da Incognia e inserir um link para a Política de Privacidade da Incognia. Os aplicativos também devem solicitar as permissões necessárias para utilizar a funcionalidade de localização dos dispositivos móveis, além de ser transparentes sobre a realização do tratamento de dados, garantindo informações claras, precisas e facilmente acessíveis aos seus usuários. Uma vez autorizada, apenas quando estiver ativa a funcionalidade de localização, a Incognia inicia a coleta de dados de forma segura, detectando a presença dos dispositivos móveis em estabelecimentos desassociada da identidade dos usuários.

O tratamento de dados pessoais feito pela Incognia para as finalidades descritas nesta Política é baseado no consentimento, isto é, a “manifestação livre, informada e inequívoca pela qual o titular concorda com o tratamento de seus dados pessoais para uma finalidade determinada” (Art. 5º, XII, Lei Nº 13.709/2018).

Categoria de dados e finalidades do tratamento

A Incognia segue o princípio da minimização estabelecido pelo Regulamento Geral de Proteção de Dados da UE, que estabelece que "os dados pessoais devem ser adequados, relevantes e limitados ao necessário em relação às finalidades para as quais são tratados" (Art. 5, 1, (c), GDPR), bem como o princípio da necessidade da Lei Geral de Proteção de Dados, definido como a “limitação do tratamento ao mínimo necessário para a realização de suas finalidades, com abrangência dos dados pertinentes, proporcionais e não excessivos em relação às finalidades do tratamento de dados” (Art. 6º, III, Lei Nº 13.709/2018). Por esse motivo, e porque a Incognia tem o compromisso de ser transparente, detalhamos todos os dados que são coletados através de nossa tecnologia e para quais finalidades.

Categoria

Descrição

Finalidades

Localização

GPS

Sinais de Wi-Fi

Sinais de Bluetooth-LE

Sinais de telefone

Atividade (correndo, andando, dirigindo)[1]

Análise de mobilidade populacional

Contagem de visitas

Envio de alerta de proximidade a locais de risco

Envio de campanhas educativas

Performance

Cliques

Cliques não intencionais ("misclicks")

Visualizações

Métricas de performance de campanha

Identificador

Identificador de mídia (somente armazenado após aplicação de funções de  hash com segredo ou criptografia)

Segmentação

Contagem de usuários únicos

Dados do dispositivo

Modelo do dispositivo

Sistema operacional

Versão do SO

Métricas de performance

IP (sendo os últimos quatro dígitos ignorados para remover precisão)

Tipo de rede (3G, 4G, Wi-fi)

Provedor de rede

Resolução de tela

Apps instalados

Fabricante

Operadora

Segmentação para excluir informações de regiões que não serão analisadas

Otimização de recursos de rede

Depuração e monitoramento do SDK

Dados de aplicativos

Sessão do app (quando o app é aberto e quanto tempo permanece aberto)

Eventos definidos pelos desenvolvedores de aplicativo (registro de novos usuários, transações in-app, visualização de determinadas áreas do aplicativo e utilização de determinadas funcionalidades)

Inteligência sobre uso de apps

Avaliação da comunicação através de notificações push

[1] O Google Play Services fornece para os dispositivos Android uma forma de consultar este dado diretamente pelo sistema operacional chamada de activity recognition. 

Dados sensíveis

Não coletamos dados sensíveis - informações que revelem etnia, religião, opinião política, religiosa, filosófica, política ou de entidades sindicais ou dados relativos à saúde, vida sexual, genética e biometria (Art. 5º, II, Lei Nº 13.709/2018) - e não associamos usuários, nem mesmo anonimizados, a visitas a locais sensíveis, como templos religiosos, hospitais, partidos políticos, locais de entretenimento adulto e outros que possam ser utilizados para fazer inferências sensíveis.

Excepcionalmente, nosso SDK coletará visitas a hospitais e postos de saúde (locais em que não contabilizamos visitas para outros serviços), utilizando um conjunto probabilístico (HyperLogLog) para fazer contagens com precisão representativa, sem armazenar identificadores únicos, a fim de auxiliar instituições na alocação de pacientes e profissionais de saúde, evitando superlotação. Portanto, sabemos apenas quantos dispositivos visitam esses locais, mas não quais. Tais informações serão armazenadas em ambiente separado da nossa base principal e imediatamente excluídas ao fim desta crise.

Dados de crianças

A Lei Geral de Proteção de Dados (Lei Nº 13.709/2018) estabelece que o tratamento de dados de crianças deve ser realizado apenas com o consentimento específico e em destaque dado por pelo menos um dos pais ou pelo responsável legal (Art. 14, §1º) da criança; e que as instituições envolvidas no tratamento dos dados devem realizar todos os esforços razoáveis para verificar que o consentimento foi dado pelo responsável pela criança (Art. 14, §5º).

Não realizamos a integração da tecnologia da Incognia com aplicativos direcionados a crianças, nem oferecemos serviços para empresas que tenham crianças como público-alvo. Portanto, não coletamos intencionalmente informações pessoais de crianças.

Forma e duração do tratamento

Os dados de localização coletados através do SDK são transformados para serem utilizados em nossas iniciativas de combate à pandemia: consolidamos os dados em “clusters” - grupos de usuários não identificados, agregados por comportamentos de localização similares - a fim de criar métricas sobre mobilidade populacional;  enviar mensagens educativas relevantes  através da tecnologia de notificações push; entre as outras finalidades já detalhadas nesta Política.

A Incognia armazena dados por um período máximo de dois anos para os fins descritos na presente Política de Privacidade. Excepcionalmente, podemos reter e utilizar dados pessoais por mais tempo para: (i) cumprir contratos, acordos e políticas; (ii) cumprir obrigações legais (por exemplo, se necessário para cumprir as leis aplicáveis); (iii) resolver litígios por ordem judicial.

Decisão automatizada

A Incognia poderá realizar decisões automatizadas para inferência de casa e trabalho, com as finalidades de aferir o índice de isolamento social, enviar notificações push no momento mais adequado, entre outras já detalhadas nesta Política.  

Ressaltamos que não sabemos quem você é: as informações de localização são associadas ao Mobile Advertising ID (número identificador de mídia do seu celular), que é protegido por funções de criptografia e hash. Não cruzamos ou agregamos as informações coletadas com outros dados que possam identificar indivíduos diretamente. 

Medidas de segurança

A tecnologia da Incognia não coleta ou utiliza dados pessoais identificados (dados de identificação direta de indivíduos), e foi desenvolvida de forma a impedir o acesso a dados pessoais identificáveis (dados capazes de identificar indivíduos indiretamente, isto é, após algum esforço ou associação a outro dado). Por isso, a Incognia não coleta identificadores estáticos únicos de dispositivos móveis (IMEI e MAC), contas associadas (email e número de telefone), dados de identificação civil (nome, CPF, RG etc.), ou dados sensíveis - informações que revelem etnia, religião, opinião política, religiosa, filosófica, política ou de entidades sindicais ou dados relativos à saúde, vida sexual, genética e biometria.

Utilizamos mecanismos de segurança tanto no transporte como no armazenamento de dados, além de atualizarmos constantemente nossos sistemas de proteção. Todas as nossas requisições são feitas com HTTPS, que é um protocolo seguro e padrão na indústria. Os dados são transferidos e armazenados de forma encriptada na AWS Cloud - o armazenamento de dados em servidores na nuvem (“cloud computing”) é também um padrão da indústria, pois simplifica a operação da tecnologia, escalabilidade e segurança para quaisquer serviços tecnológicos. 

Para aumentar a segurança e privacidade dos dados, a Incognia aplica funções de criptografia e hash no identificador de mídia (“Mobile Advertising ID”), criando identificadores distintos para diferentes utilizações, que são: (i) hashed ID, para contagem única e criação de perfis de usuários, que serão agregados em clusters sem os Mobile Advertising IDs originais; (ii) ID criptografado, para recuperar o Mobile Advertising ID em casos estritamente necessários, tais como obrigações legais ou garantia dos direitos de titulares de dados. A Incognia realiza gestão de chaves e utiliza técnicas de assinatura criptográfica que permitem a detecção de quaisquer alterações realizadas nos dados, protegendo os IDs criptografados.  A eliminação do identificador de mídia original põe fim a riscos associados ao acesso indevido aos dados. Ambos os identificadores mantidos (hashed ID e ID criptografado) são suficientes para todos os serviços da Incognia e não permitem a identificação direta dos titulares de dados, além de reduzirem os riscos do identificador de mídia identificá-los em caso de confronto com uma base de dados terceira que contenha esse ID ligado a outros dados pessoais, tais como email, CPF etc. Portanto, em caso de vazamento ou acesso indevido às informações coletadas e tratadas pela Incognia, os titulares não serão diretamente associados a esses dados, reduzindo o risco de serem física ou moralmente afetados.

Compartilhamento

A Incognia compartilha apenas dados anonimizados com os parceiros das ações aqui mencionadas. De acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados, dado anonimizado é todo “dado relativo a titular que não possa ser identificado, considerando a utilização de meios técnicos razoáveis e disponíveis na ocasião de seu tratamento” (Art. 5º, III, Lei nº 13.709/2018), ou seja, não caracteriza dado pessoal. Portanto, os parceiros da Incognia nas iniciativas de combate à crise da COVID-19 não terão acesso a nenhum histórico de visitas individualizado ou a qualquer dado que possa identificar pessoa física direta ou indiretamente.

Compartilhamos dados com operadores, isto é, agentes que realizam tratamento de dados em nome da Incognia, para facilitar nossa operação. Estes operadores estão descritos abaixo:

Armazenamos dados na AWS Cloud e utilizamos um protocolo seguro para proteger a transferência de dados para os nossos servidores de forma criptografada.

Nos integramos com as plataformas FireBase e Airship para envio de notificações push. Neste cenário, recebemos de aplicativos de clientes um identificador de usuário no provedor de push (uma das duas plataformas) e, no momento que consideramos oportuno para enviar uma notificação, acionamos uma destas plataformas com a mensagem que queremos enviar e o identificador do usuário que a deve receber.

Compartilhamos clusters (agrupamentos de usuários com comportamento semelhante) de identificadores de mídia com as plataformas Adobe DMP e Xandr para otimizar a entrega de campanhas. Neste contexto, as plataformas são operadores de dados, ou seja, exercem o tratamento de dados em nome da Incognia (o “controlador”). Portanto, estes dados não podem ser utilizados para outros fins senão para entregar  anúncios solicitados pela Incognia.

Como consta em suas Políticas de Privacidade, algumas das integrações que fazemos com outras plataformas caracterizam transferência internacional de dados. Os servidores AWS estão localizados nos Estados Unidos. Os serviços Firebase e Airship são executados na infraestrutura global do Google e nos Estados Unidos, respectivamente. Xandr pode armazenar seus dados nos Estados Unidos, Singapura e Japão, além do Brasil. 

Responsabilidade dos agentes de tratamento

A Incognia realiza o tratamento de dados pessoais para as finalidades descritas nesta Política como controlador, agente ao qual competem as decisões referentes ao tratamento, de acordo com o Art. 5º, VI da Lei Geral de Proteção de Dados. Utilizamos operadores, isto é, agentes que realizam tratamento de dados em nome da Incognia, para facilitar nossa operação. São eles: AWS Cloud, para armazenamento de dados; Adobe DMP e Xandr, para otimizar a entrega de campanhas; e FireBase e Airship para envio de notificações push.

De acordo com o Capítulo VI, Seção III da LGPD, o controlador ou o operador que causar a outrem dano patrimonial, moral, individual ou coletivo, em razão do tratamento de dados pessoais, é obrigado a repará-lo. Além disso, quando descumprir as obrigações da legislação de proteção de dados ou quando não tiver seguido as instruções lícitas do controlador, o operador responde solidariamente pelos danos causados pelo tratamento, assim como os controladores diretamente envolvidos neste tratamento. Os agentes de tratamento só não serão responsabilizados quando provarem que não realizaram o tratamento de dados pessoais que lhes é atribuído; que não houve violação à legislação de proteção de dados; ou que o dano é decorrente de culpa exclusiva do titular dos dados ou de terceiro.

Direitos do titular

A Incognia tem como missão respeitar a privacidade e assegurar a proteção de dados de nossos usuários. Garantimos o exercício dos direitos do titular de dados previstos na Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e no Regulamento Geral de Proteção de Dados da União Europeia (GDPR) através do aplicativo Incognia Privacy (apenas disponível para dispositivos Android no momento), onde disponibilizamos controles de privacidade para nossos usuários sem precisar solicitar dados que possam identificá-los, como nome ou email, por exemplo. Para ter certeza de que o usuário é quem diz ser, realizamos a autenticação pelo próprio app por meio da nossa tecnologia de geolocalização. Desta forma, garantimos sua privacidade e evitamos fraudes ao mesmo tempo. Usar o aplicativo é uma forma rápida, eficiente e segura de exercer os seus direitos. Caso não deseje instalar o aplicativo ou não utilize um dispositivo Android, disponibilizamos outros meios alternativos para o exercício de direitos, que serão melhor detalhados a seguir.

Abaixo, segue a lista simplificada de direitos aplicáveis ao tratamento descrito nesta Política, previstos no Capítulo III da LGPD e Capítulo III do GDPR.

Direito de acesso à informação: As informações exigidas pelas leis de proteção de dados  (Art. 9º, Lei Nº 13.709/2018) constam nesta Política de Privacidade. Outras informações podem ser solicitadas através do email ‘dpo@incognia.com’.

Direito à confirmação do tratamento de dados pessoais: Para saber se a Incognia trata seus dados, você pode obter a confirmação através do nosso aplicativo Incognia Privacy, desenvolvido especialmente para essa finalidade. Ao baixar o app e solicitar o exercício dos seus direitos, o app só vai retornar a opção para você exercê-los se você fizer parte da base de dados da Incognia. Se você não tiver dados tratados pela Incognia, o app não exibirá as opções de deixar a base, para de captar dados ou deleção. Caso não utilize o sistema operacional Android ou não queira baixar o aplicativo, você pode entrar em contato conosco através do email ‘dpo@incognia.com’ para solicitar a confirmação do tratamento dos seus dados pessoais.

Direito de acesso aos dados: Este direito poderá ser exercido através do nosso aplicativo em breve. Por enquanto, você pode entrar em contato conosco através do email ‘dpo@incognia.com’ para solicitar quais informações a Incognia tem a seu respeito. 

Direito à correção de dados incompletos, inexatos ou desatualizados: A Incognia garante a exatidão, clareza, relevância e atualização dos dados pessoais coletados através da nossa tecnologia. Entretanto, caso você considere que os dados pessoais coletados pela Incognia estão incompletos, inexatos ou desatualizados, poderá solicitar a retificação entrando em contato conosco através do email ‘dpo@incognia.com’ para analisarmos a sua solicitação.

Direito a anonimização, bloqueio, eliminação ou restrição de dados desnecessários, excessivos ou tratados em desconformidade com a lei: A Incognia trata apenas dados estritamente necessários para a prestação de seus serviços, observando todas as determinações da Lei Geral de Proteção de Dados e outras normas aplicáveis. No entanto, caso queira solicitar a anonimização, bloqueio, eliminação ou restrição de dados, entre em contato conosco através do email ‘dpo@incognia.com’ para analisarmos a sua solicitação.  

Direito à portabilidade de dados: A Incognia desenvolveu sua tecnologia de localização proprietária de forma inovadora e não compatível com outras tecnologias de localização, por isso, não é possível exercer a portabilidade de dados da Incognia para outro fornecedor de serviço semelhante sem prejuízo dos segredos comercial e industrial da empresa. Ressaltamos que também não há qualquer regulamentação da Autoridade Nacional de Proteção de Dados para exercício desse direito, conforme determinação da Lei Geral de Proteção de Dados. De qualquer forma, você pode solicitar o acesso aos dados e fazer a portabilidade para outro fornecedor de serviço ou produto. 

Direito à eliminação dos dados pessoais tratados com o consentimento: Este direito poderá ser exercido através do nosso aplicativo em breve. Por enquanto, você pode entrar em contato conosco através do email ‘dpo@incognia.com’ para realizar a sua solicitação. 

Direito à informação das entidades públicas e privadas com as quais a Incognia realizou uso compartilhado de dados: A Incognia, como regra geral, não compartilha dados com terceiros. Entretanto, informamos, na seção “Compartilhamento” desta Política de Privacidade, as plataformas utilizadas para armazenamento dos dados e envio de notificações educativas. 

Informação sobre negativa ao consentimento e consequências: Ao recusar a coleta de dados de localização através de aplicativos de clientes, você não será impedido de usar o aplicativo, ressalvadas as hipóteses em que a localização é uma função essencial ao funcionamento do app. Com a recusa, você não receberá ofertas, comunicações e anúncios do app com base nos locais que você visitou ou que são do seu interesse. Isso não significa que você deixará de receber anúncios através de outras tecnologias. Outras empresas que não a Incognia continuarão a coletar dados do seu dispositivo.

Direito à revisão de decisões automatizadas: A revisão de decisões automatizadas, já detalhadas na seção “Decisão automatizada”, poderá ser solicitada através do nosso aplicativo em breve. Por enquanto, você pode entrar em contato conosco através do email ‘dpo@incognia.com’ para realizar a sua solicitação. 

Direito de não se sujeitar a tratamento exclusivamente automatizado: As inferências de casa e trabalho, que são feitas de forma automatizada, conforme descrito na seção “Decisão automatizada”, são essenciais para aferir o índice de isolamento social e enviar campanhas educativas no momento adequado para os titulares. Esse tipo de inferência, utilizado apenas para essas finalidades, não oferece risco ao titular em caso de erro do sistema. Entretanto, caso não queira se sujeitar ao tratamento, você pode realizar o opt-out, conforme será detalhado a seguir.

Revogação do consentimento (“opt-out”): A revogação do consentimento (“opt-out”) é o direito do titular de dados de escolher não compartilhar suas informações pessoais com empresas. Esclarecemos que, ao exercer o opt-out, você não estará desinstalando o aplicativo cliente da Incognia. Após o opt-out, você apenas desativará a coleta de dados do seu dispositivo através da tecnologia Incognia. Para iniciar o processo de opt-out, baixe o aplicativo ou em contato conosco através do email ‘dpo@incognia.com’ para que te enviemos um Formulário de Solicitação de Direitos do Titular, que deverá ser assinado com assinatura digital no padrão ICP-Brasil ou em via física com reconhecimento de firma e digitalizado. Caso se arrependa do opt-out, você sempre pode reativar nossos serviços pelo nosso canal de contato.

Ressaltamos que o opt-out apenas desativa as ações da Incognia, o que significa que outras empresas que não a Incognia continuarão a coletar dados do seu dispositivo, e que você continuará recebendo anúncios, porém não anúncios selecionados com base na tecnologia Incognia. Se quiser desativar completamente a coleta de dados do dispositivo associados ao seu identificador de mídia, você pode alterar as configurações do seu dispositivo. Proceda da seguinte forma para dispositivos iOS e Android:

iOS:

• Selecione “Ajustes” > “Privacidade” > “Publicidade”

• Selecione “Limitar publicidade rastreada”

Android:

• Selecione “Parâmetros do Google” > “Anúncios”

• Selecione “Desativar publicidade por interesse”

Há ainda a possibilidade de você reinicializar o seu identificador de mídia, gerando um novo ID, e, portanto, evitando o reconhecimento do seu dispositivo móvel com base no histórico de dados associados ao seu antigo identificador. Para fazer isso, caso tenha o sistema operacional iOS ou Android, você pode seguir os passos abaixo:

iOS:

• Selecione “Ajustes” > “Privacidade” > “Publicidade”

• Selecione “Redefinir identificador de publicidade”

Android:

• Selecione “Parâmetros do Google” > “Anúncios”

• Selecione “Redefinir código de publicidade”

Procedimento de Requisição dos Direitos

Incognia disponibiliza dois meios para os titulares dos dados exercerem os seus direitos:

  • Através do aplicativo Incognia Privacy, disponível para dispositivos Android, que pode ser instalado aqui

O app é a forma mais eficiente e segura de exercer os seus direitos sem que a Incognia precise coletar informações pessoais adicionais sobre você, como nome, e-mail e CPF. Ao utilizar o app, verificamos que você é o titular do dado, e não um fraudador, através da coleta do identificador de mídia do seu dispositivo móvel e da sua localização, sem identificá-lo diretamente. Atualmente, o app está disponível para o sistema operacional Android e, em breve, também será disponibilizado no IOS.

  • Através do e-mail ‘dpo@incognia.com’

Caso sua solicitação seja realizada por e-mail, enviaremos um Formulário de Solicitação de Direitos do Titular onde você poderá fazer o seu requerimento expresso, em conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados. O formulário solicita dados pessoais como nome, CPF e identificador de mídia do dispositivo (Mobile Advertising ID) para fins de cumprimento de obrigação legal, e deverá ser assinado com assinatura digital no padrão ICP-Brasil ou em via física com reconhecimento de firma e digitalizado para garantir a segurança do compartilhamento das informações, evitando qualquer tentativa de fraude, isto é, que pessoas se passem por outras para ter acesso a informações pessoais alheias. Através do formulário, você fará a solicitação de exercício do direito de forma segura. Ressaltamos que você será notificado por email quando apreciarmos a sua requisição e/ou concluirmos a concretização do seu direito, como, por exemplo, o da eliminação de dados pessoais.

Contato

Se tiver alguma dúvida, comentário ou sugestão, por favor, entre em contato com o nosso Encarregado pelo Tratamento de Dados Pessoais (“Data Protection Officer”) enviando um email para ‘dpo@incognia.com’.